Eu sou um velho saudoso

“… o toque final é nunca levar o mosh pit muito a sério ou entrar nele com más intenções. Não interprete certos movimentos como briga porque assim a pancadaria realmente rola. Nada arruína mais um mosh do que uma briga, e não é isso que o mosh é. Não importa o quanto você fique arrasado depois. Cansado, mas feliz. A propósito, boas músicas para “moshar”: Nirvana, Faith No More, Chili Peppers, Mudhoney, L7, Soundgarden, Pavement, Pixies ou qualquer coisa que o ajude a queimar energia e soltar boas vibrações”

Do Rio Fanzine, de Tom Leão e Calbuque.

Bons tempos, bons tempos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s